Banner Home

O processo de criação das peças de uma coleção

Quem vê o resultado de uma coleção na vitrine ou nas prateleiras de uma loja pode não imaginar, mas há um complexo trabalho de criação por trás de cada peça. São meses de pesquisa, diversas ideias desenhadas em croquis e inúmeros testes de caimento e de qualidade antes que as roupas possam sair para a venda.

Todo este processo é essencial para o fortalecimento da identidade da marca – e, quanto mais forte é esta identidade, melhor para o posicionamento da empresa no mercado. Saiba mais sobre as etapas envolvidas na criação de uma coleção e a importância deste processo para uma confecção:

Quais são as etapas envolvidas na criação de uma coleção 

Existem alguns profissionais e algumas etapas que garantem o sucesso de uma coleção. Estilistas, modelistas e costureiros são alguns dos personagens envolvidos neste trabalho. Tudo começa com o estilista, que, com inspirações e muita pesquisa, cria as peças que farão parte da coleção. Para isso, ele pesquisa tendências de cores, cortes e estampas. Também estuda o público-alvo da marca e as coleções anteriores. A identidade da marca é mais um importante elemento a ser considerado no processo.

A partir disso, o profissional desenha as suas ideias em croquis. É com esta ferramenta que o estilista começa a dar vida às peças. Criados os croquis da coleção, eles são passados para os modelistas, que são os responsáveis pelo desenvolvimento das peças piloto. Assim, podem ser feitos testes e os ajustes necessários para garantir que as roupas criadas tenham um bom caimento e agradem aos clientes da marca.  

Depois de aprovadas, as ideias passam para a linha de produção. 

Como o processo de criação ajuda a fortalecer a marca

Um bom processo de criação garante que os produtos desenvolvidos pela marca sejam coerentes com a sua identidade e o seu público-alvo. Se a marca é mais moderna e voltada para clientes adolescentes, por exemplo, isso deve estar impresso nas cores, estampas e cortes das peças vendidas. Caso contrário, são grandes as chances de as vendas não atenderem às expectativas. 

Se a criação das peças é essencial para garantir que os produtos atraiam o seu público-alvo, ela também é fundamental para o fortalecimento da marca no mercado. Para isso, é importante que todo o processo seja pensado também considerando a identidade da confecção. Isso vale para quem fabrica roupas e outros produtos têxteis, como roupas de cama e banho. 

As peças que levam a etiqueta da marca ajudam a disseminar sua identidade entre os seus clientes e concorrentes. O processo de criação é fundamental para garantir que a imagem certa seja transmitida pelos produtos vendidos. Além disso, este é um processo que assegura que as suas peças tenham criatividade, estilo, estejam por dentro das tendências e sejam direcionadas para o público certo. Por isso, a criação das peças é tão importante para o fortalecimento de uma empresa do ramo da moda. 

Como é o processo de criação das peças fabricadas na sua confecção? Divida a sua experiência com a gente!

 
Publicado em